Relato de Viagem – Transiberiana – de Yekaterinburg a Irkutsk

Mais uma vez escolhi a terceira classe. Não sei se já expliquei, mas eu escolhi a terceira classe porque queria ter bastante contato com o pessoal aqui e tal. A diferença da terceira e da segunda classe é que a terceira classe tem um monte de camas, agrupadas de 6 em 6 (um total de 54 camas, se não me engano), gente cheirosa, gente fedorenta, chulé, falação, bêbados, etc., enquanto que na segunda classe são 4 camas dentro de um compartimento com porta que pode ser trancada. Assim, na segunda classe o máximo que pode acontecer é ter que conviver com outros 3 bêbados ou 3 peidorreiros ou 1 bêbado, 1 fedido e 1 cheiroso, ou 2 bêbados e 1 peidorreiro, enfim….Os números são mais limitados rsrs Ambas as classes não tem chuveiro, ou seja, a segunda classe também corre o risco de exalar uma essência exótica após algumas horas! Já a diferença da primeira e da terceira classe, além do dinheiro que não tá tendo (é muito mais cara), é que lá sim se tem uma vida de rei. TV, chuveiro, cabine de 2 pessoas, porém, qual a graça??? Fazer a Transiberiana assim, na minha opinião, não é sentir de perto a verdadeira Transiberiana.

Bem, voltando ao assunto. Cheguei nesse trem torcendo para encontrar gente bacana de novo e principalmente que falasse inglês para poder fazer as horas passarem rápido, se não seria realmente um porre ficar em silêncio por 3 dias. As minhas preces foram atendidas e nesse trem também deu para conhecer um pessoal bem bacana! Aqui o pessoal era menos cara de pau…No primeiro trem todo mundo sentava na cama de todo mundo, todo mundo falava alto enquanto todo mundo dormia – e o povo nao estava nem ai – enfim, eram muito abertos. Nesse segundo trem, eles eram menos bangunçados e um pouco mais calmos. Em vez de sentarem ao meu redor e ficarem fazendo as perguntas, eles chamavam um cara que estava na cama em cima da minha e que falava inglês para contar pra eles de onde eu era, o que fazia, etc. De vez em quando eles chegavam perto para interagir e quando fui embora do trem depois de 3 dias todos foram me dar tchau! Haha Foi bem legal!

Em uma das paradas…

Como disse, o moço que estava na cama em cima da minha era ucraniano e falava inglês bem. Pensa num menino bão!! Adorei ele, um amor de pessoa… Ele e mais outros 40 ucranianos que estavam divididos em vários vagões estavam indo para um cidade bem ao leste da Rússia fazer um trabalho temporário construindo ferrovias. A viagem total deles ia demorar em torno de 7 dias (e eu preocupada com as minhas 56h…). Na cama em frente a dele tinha outro ucraniano do mesmo grupo que também era bem querido, mas não sabia falar inglês. A gente ficava comunicando por telefone sem fio e foi de boa também.

Eles também gostavam de futebol e aproveitei pra perguntar se lá na Ucrânia o meninin do Galo, Bernard, estava mostrando serviço e eles disseram que menos do que deveria. Aproveitei também para contar que o Ronaldinho estava jogando no maior de Minas, mas que ele tava levando uma vida muito sofrida aqui no Brasil e eles racharam os bicos na hora que mostrei a foto abaixo hahaha Além disso, conversamos muito sobre a Ucrânia e Brasil, costumes e tal, mas na hora que disse que o assunto do momento era Criméia eles fizeram uma cara de “Ah, legal, fodas…” O assunto para eles parecia meio indiferente como se fosse pra gente discutir os sem-terra no Acre rs.

Ronaldinho sofrendo em terras tupiniquins…

Bem, essas 56 horas por incrível que pareça passaram bem rápido! Nesse meio tempo, além de conversar muito fiado, dormir, tomar umas cerveijinhas, comer bastante, tomar banho de lenço humidecido e depois de caneca, dormir de novo, também aproveitei para fazer o videozinho abaixo:

Em 56h dá pra fazer muuuuita coisa rsrs

Chegando em Irkustsk meus fiéis escudeiros fizeram questão de me levar até a porta do trem para encontrar com o Leonid (dono do hostel) e que ia me levar pro albergue. É engraçado como a gente se apega a algumas pessoas em tão pouco tempo né? Fiquei triste de não vê-los mais, mas assim é a vida das viagens…Depois pelo menos podemos manter contato por email!

No próximo post, Irkutsk!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Create a website or blog at WordPress.com

Up ↑

%d bloggers like this: